Trip Cervejeira Beudos Nojentos – Parte 2

porGui Came

Trip Cervejeira Beudos Nojentos – Parte 2

Aqui vai um breve relato da produção de cerveja que foi ralizada no meio de uma trip cervejeira apelida de “Beudos Nojentos Trip”, por motivos que se mostrarão óbvios no decorrer do relato, entre este que vos escreve Gui Came e Thiago Dumorro, respectivamente Came Bier e Brejaria Dumorro.
Caso não tenha lido a primeira parte da trip, clique aqui.

Mapa com a rota da trip cervejeira

Mapa do roteiro cervejeiro

Terceira parada: Araxá

Parada mais que especial na Fazenda Boa Esperança ou Cervejaria JC Castilla ou melhor ainda Casa do Confrade Leonardo Vilela.

Depois de se recompor das belezas de Capitólio, mais uma vez pé na estrada até a cidade de Araxá. Dessa vez com o balde fermentador terminando de acidificar com Lactobacillus da casca do malte. Depois de um rally de 30km de estrada de terra encontramos o amigo virtual da Confraria Cervejeiros do Brasil. Além de bebermos algumas Came Bier’s, Dumorro’s, Castilla’s, levamos um growler cheio de Wäls Niobium. Afinal de contas a mesma é batizada em homenagem ao elemento Nióbio. Elemento químico de massa  atómica 93 e com 93 IBU’s, que tem em Araxá a maior mina do mundo.

Após conversar muito sobre o universo cervejeiro em geral, chega o clímax da viagem, o Léo nos apresenta 3 plantas de cerca de 4 metros de altura de lúpulos Cascade.
Indescritível a sensação de ver e fazer a colheita dessas plantas que apesar de não ser um trabalho pioneiro no Brasil, sem nenhuma dúvida, é um trabalho muito bem feito e fundamentado.

Montagem com 3 homens bebendo, um cooler cheio de garrafas, e um queijo numa tábua

Cerveja de Confrades Mineros com queijo

Homem olhando para flores de lupulo no pé, com o escrito: "Namore alguém que te olhe como um cervejeiro olha pra um lúpulo"

O dia que virei meme

Montagem com homem com planta simulando uma coroa na cabeça, homem enrolado com planta como colar no pescoço

Colheita de lúpulo

Montagem com mosto sendo lupulado com flor de lupulo, flor cortada ao meio apresentando lupulina e bagaço de flor filtrada no chinoy

Fervura com lúpulo em flor, fresco e recém colhido

 

Quarta parada: Divinópolis

Fermento inoculado, temperatura controlada

Parada mais técnica, depois da levedura inoculada o cuidado passou a ser intenso, e pela primeira vez não nos hospedamos em hostel ou em casa de amigos, partimos para um hotel, com o intuito maior de utilizar do frigobar para controlar a temperatura e gerar o ambiente mais favorável possível para as leveduras. Qual não foi nossa surpresa ao perceber que o frigobar não cabia o balde. Como bons cervejeiros caseiros e analistas de sistemas, nem pensamos duas vezes, ligamos o ar condicionado do quarto na temperatura desejada.

Balde fermentador no frigobar no hotel

Tiramos tudo de dentro do frigobar do hotel pra caber o balde fermentador

Quinta parada: Catas Altas

Ao pé da Serra do Caraça nos encaminhamos para “a mais charmosa festa da cerveja artesanal de MG”

Após um breve pit-stop em Belo Horizonte, para guardar o balde em temperatura controlada, tomar uma cerveja no “quintal de casa” também conhecido como Tasting Room da Fábrica Wäls (pela proximidade da minha casa) seguimos para a cidade de Catas Altas para terminar a viagem em mais um festival cervejeiro, o Serra da Caraça Bier Fest!

Uma montagem com um copo, a serra refletida num óculos, o festival, uma flâmula com a igreja ao fundo.

Serra do Caraça Bier Fest – A mais charmosa festa de Cervejas artesanais de MG

homem vestido com costumes alemães

Eu de Fritz

homem com chápeu tirolês e copo de cerveja

Copo promocional do Festival

Enfim, essa foi uma Beer Trip completa com cerveja feita na cachoeira, dois festivais de cerveja artesanal, seminários com dois grandes amigos, lúpulo plantado no brasil.

copo com uma berliner weisse e garrafas ao fundo

Canastrões – Berliner Weisse

Até a próxima!

Comente!

Comentários!

Sobre o Autor

Gui Came administrator

Cervejeiro, beudo nojento, mochileiro e programador não necessariamente nessa ordem.

%d blogueiros gostam disto: