Potencial e Rendimento – Parte 2

porbeerbot

Potencial e Rendimento – Parte 2

Quado fazemos cerveja é muito comum usar o termos rendimento e eficiência. Esses termos estão relacionados ao aproveitamento dos açúcares potenciais presentes no malte em relação a uma determinada etapa do processo cervejeiro. Podemos medir a eficiência após a mosturação, após a filtração, após a fervura e cada eficiência representa algo diferente. O potencial do malte pode ser dado por um teste laboratorial chamado DBFG, que representa a porcentagem em massa de sólidos solúveis disponíveis.

O vídeo de hoje é a segunda parte de uma série de três vídeos.

Imagens do http://www.braukaiser.com/wiki/index.php?title=Understanding_Efficiency

Comente!

Comentários!

Sobre o Autor

beerbot author

O mais rápido compartilhador de beernews!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: